Case Sindiônibus | Transporte público sob demanda inteligente

A parceria entre a Empresa 1 e o Sindiônibus começou em 2004. De lá pra cá, a inovação não parou. Com muito orgulho, compartilhamos este caso de sucesso em uma série de 7 vídeos que mostram o uso eficiente da tecnologia para a gestão de qualidade e modernização do transporte público. Este episódio fala sobre a integração do transporte público tradicional e o serviço sob demanda.


A inovação e a visão de que a integração entre tecnologias é um recurso que favorece a melhoria da qualidade do serviço e a eficiência operacional são um diferencial neste projeto.

Desde quando lançou seu serviço de transporte público sob demanda, operadores  da Fortaleza já incluíram no escopo do projeto a intenção de oferecer ao usuário a opção de pagar este novo serviço com o cartão do transporte. Esta funcionalidade ainda não está no ar, mas podemos afirmar que o trabalho já começou e em breve a população terá mais este incentivo para usar o serviço.

“Tomamos uma decisão estratégica de nos afastar do recebimento de dinheiro em espécie. Porém, precisamos viabilizar o acesso de todos os cidadãos ao nosso serviço e ainda há muitos clientes desbancarizados e também clientes com rejeição ao uso de cartões bancários. Promoveremos a integração da bilhetagem com o novo sistema sob demanda porque a maioria da população de Fortaleza já tem seu cartão de transporte e pode fazer a recarga com dinheiro em uma rede capilar espalhada por Fortaleza em mais de 2mil pontos, além da possibilidade de comprar créditos por app e boleto e recarregar a bordo. E mais, estamos agora iniciando mais uma inovação na bilhetagem, que possibilitará a comunicação direta com o smartphone, sem necessidade de um cartão físico, e também a utilização de QR Code. Buscamos disponibilizar um meio seguindo o conceito moderno de carteira digital, as digital wallets. Enfim, queremos evitar o ônus do dinheiro mas garantir uma alternativa prática e conveniente a todos os nossos clientes.” Dimas Barreira, presidente do Sindiônibus.

Acreditamos neste modelo, que ele possa inspirar outras cidades brasileiras.

 

Observação: Este case é representado com dados operacionais fornecidos pelo SINDIÔNIBUS em 2020. Estes dados são dinâmicos e aqui configuram um aspecto ilustrativo para entendimento do porte desta grande operação. A operação do Top Bus + passou a atender outras áreas da cidade, inclusive para atender o período da Pandemia.

Brasil